quarta-feira, 26 de maio de 2010

Poesia

Para atravessar contigo o deserto do mundo

Para atravessar contigo o deserto do mundo
Para enfrentarmos juntos o terror da morte
Para ver a verdade para perder o medo
Ao lado dos teus passos caminhei

Por ti deixei meu reino meu segredo
Minha rápida noite meu silêncio
Minha pérola redonda e seu oriente
Meu espelho minha vida minha imagem
E abandonei os jardins do paraíso

Cá fora à luz sem véu do dia duro
Sem os espelhos vi que estava nua
E ao descampado se chamava tempo

Por isso com teus gestos me vestiste
E aprendi a viver em pleno vento



Sophia de Mello Breyner Andresen
Livro Sexto (1962)

2 comentários:

legal disse...

ola obrigado pela visita. agora sou seu seguido.
para recebe novidades no e-mail toda atualização do blog. você pode clicar no Assine Feed. so coloca e-mail e depois recebe por e-mail confirmação e pronto.
e depois você recebe automático toda novidades do blogger.

Qualquer coisa você pode fala comigo direito no menu "fale comigo ai" estou sempre online no msn, você não precisa me adiciona no msn, ele é automático você clicar nele quando ele estive verde, e você pode fala comigo direito.

abraços espero sua visita.

http://bloglegalnovo.blogspot.com

ou

http://www.up.dahora.net

alinhavARTE disse...

Obrigada, Bjinhos :)